Udon, há 10 anos servindo a melhor comida japonesa de BH

 

alt=" aniversario 10 anos Udon restaurante de comida japonesa"

O Udon Lourdes está comemorando 10 anos de existência, e desde sua inauguração o estabelecimento já foi premiado diversas vezes como o melhor restaurante de comida japonesa de Belo Horizonte. Por isso, o local é ideal para os amantes da gastronomia oriental.

Famoso por seus combinados especiais e sabores inusitados, o restaurante destaca-se como referência em comida japonesa de BH. Além disso, o atendimento cordial e eficaz da equipe torna a experiência gastronômica ainda mais prazerosa e completa para os clientes.

E é claro que com um histórico desses, a comemoração dos 10 anos de existência do Udon não poderia ser nada menos do que especial. Para isso, o nosso Chef preparou um menu exclusivo, que estará disponível entre os dias 14 e 17 de Março.

Você deve estar se perguntando o que vai ter de tão incrível assim nessa festa, né?! Pois nós vamos te contar tudinho. Confira agora, com exclusividade, o nosso menu completo de aniversário.

ENTRADAS

Para abrir o seu paladar, nosso Chef preparou duas deliciosas entradas com os ingredientes mais frescos e inusitados da gastronomia oriental. Olha que legal!

alt="comida japonesa tartar de salmao"
Tartar de salmão com trilogia de ovas, pururuca de tinta de lula, tempura de quiabo e teriyaki.
alt="ceviche de badejo com amarilo"
Ceviche de badejo com aji amarillo, leite de tigre e granita de tangerina.

PRATO PRINCIPAL

E é claro que a estrela desse menu deveria ter uma perfeita harmonização de sabores e texturas. Pensando nisso, foi desenvolvido nosso prato de atum em crosta de ervas com spaghetti de pupunha.  Mas, tenha cuidado! Esse prato promete conquistar muitos paladares.

alt="atum em crosta com spaghetti de pupunha"
Atum em crosta de ervas com spaghetti de pupunha, infusão de raiz forte e azeite trufado.

SOBREMESA

Se você procura por sabores comuns, esqueça! Para fechar esse delicioso jantar e deixar um gostinho de quero mais, nossa sobremesa é bastante ousada. Uma combinação extraordinária de sabores  e  o perfeito equilíbrio entre os níveis de doçura para te proporcionar uma experiência prazerosa do início ao fim.

alt="sorvete de manjericao com morango flambado"
Morangos flambados no sakê, sorvete de manjericão, salsão branqueado e raspas de limão siciliano.

Ficou com água na boca? Então se prepara que ainda tem mais. Além de todas essas delícias, os clientes ainda poderão apreciar o novo espumante exclusivo do Udon, produzido pela vinícola Pizzato. E não dá pra chamar de festa sem música, concorda? Pensando nisso, convidamos o DJ Leandro Rallo, que virá com um repertório super elegante e personalizado.

E aí, tudo certo para o nosso encontro nessa festa? Corre lá no sympla para garantir o seu ingresso antecipado. Até breve!

Por: Mariana Oliveira

Os 5 pilares da Culinária Japonesa

O número cinco tem uma grande importância na cultura japonesa, se estendendo inclusive à sua rica e tradicional culinária tradicional. Alguns dos seus conceitos básicos estão em vigor há séculos e quando temos a oportunidade de conhecer o “Poder do Cinco”, assim como os seus “Cinco Pilares”, temos a chance de experimentar o melhor que a gastronomia Japonesa pode nos oferecer.

1.   Os Cinco Sentidos

O alimento deve ser apreciado através de todos os cinco sentidos. O paladar e olfato são muito importantes, mas na gastronomia japonesa, a visão também exerce um papel fundamental. Os utensílios utilizados, a apresentação da comida e a forma como ela é servida faz parte do ritual gastronômico japonês, instigando o paladar e aumentando o prazer na hora da degustação.

O tato também é importante, não só a textura do alimento em si, mas também para a louça, que precisa ter uma textura adequada ao toque das mãos. E, por fim a audição, que deve estar atenta ao orquestrado som promovido pelos alimentos sendo saboreados ou até mesmo preparados. Por este motivo constatamos que a culinária japonesa tem o dom de testar nossos cinco sentidos.

2.   As Cinco Cores

Foto: Udon Belvedere

Na culinária japonesa, percebemos a prevalência de cinco cores – branco, preto, vermelho, verde e amarelo. Essas cinco cores têm influência do budismo e pode ser visto nas arquiteturas dos templos, cerâmicas e artes. Segundo os japoneses, ao incluir estas cinco cores em cada refeição estaremos aumentando seu valor nutricional além de favorecer o prazer visual de cada prato.

Em um obentô comum, por exemplo, podemos ver o arroz branco coberto com sementes pretas de gergelim e um umeboshi vermelho, além de uma porção amarela de tamagoyaki (omelete japonesa) e legumes e vegetais verdes. Esta consciência sobre a importância das cores dos alimentos nos ajudam a ter uma refeição equilibrada, com vitaminas e minerais adequadas ao nosso organismo.

3. Os Cinco Sabores

Salgado, doce, azedo, amargo e o umami. Sim, além dos quatro sabores básicos que conhecemos bem, temos ainda o Umami, o quinto sabor do nosso paladar. Umami vem da palavra japonesa umai, que significa delicioso e se refere aos alimentos que contem glutamato tais como carnes, peixes, laticínios e legumes. Este “novo” sabor foi descoberto pelo cientista Kikunae Ikeda no início do século 20.

O Umami (旨味) possui um gosto residual suave, mas duradouro. Na verdade trata-se de um sabor difícil de descrever. Ele induz a salivação e uma sensação aveludada na língua; pode estimular a garganta, o palato e a parte de trás da boca. Sozinho, o Umami não é saboroso, mas torna agradável uma grande variedade de alimentos, especialmente na presença de um aroma correspondente.

4. As Cinco Maneiras

Foto: Enan Correia / Udon Belvedere

A preparação dos pratos também é importante, e aqui, também existem cinco métodos: cru, cozido, frito, cozido no vapor e assados ​​ou grelhados. A culinária Kaiseki faz uso destas várias formas de preparação, que quando somadas fazem com que experiências gastronômicas se torne completa.

Neste tipo de refeição, podemos experimentar alimentos de diferentes sabores e texturas, incluindo alimentos crus como sashimi e sopas como misoshiru ou tonjiru. Também experimentamos algo mais substancial como o tempurá com sua textura crocante, seguido de algum tipo de peixe ou carne grelhada. Temos também o tradicional arroz branco, o tsukemono e legumes cozidos no vapor.

5. As Cinco Atitudes

Foto: Udon Lourdes

Na doutrina budista, observamos a prevalência de cinco atitudes básicas durante a degustação de uma refeição, sendo observadas especialmente em relação à culinária vegetariana servida nos templos. Foram criadas por Soei Yoneda, autor do livro “Good Food from a Japanese Temple”, e foram transformadas em uma prece de gratidão antes da partilha de alimentos nos templos Zen Budistas.

1 – Eu reflito sobre o trabalho realizado até esta comida chegar a mim;
2 – Eu reflito sobre minhas imperfeições, sobre se eu sou merecedor desta refeição.
3 – Que a minha mente esteja livre do egoísmo e da ganância ao saborear esta refeição.
4 – Eu reflito que este alimento é um remédio eficaz para manter a saúde do meu corpo
5 – Eu aceito este alimento para que eu possa cumprir a minha tarefa de iluminação.

 

Fonte: Japão em Foco

Nova unidade Udon Belvedere

Foto: Enan Correia / www.facebook.com/bsfotografiasbh
Foto: Enan Correia / www.facebook.com/bsfotografiasbh

O mais famoso Restaurante japonês de BH chega agora ao Belvedere, localizado anexo ao hotel Caesar Business, o belíssimo ambiente projetado pela arquiteta Isabela Vecci conta com o trabalho primoroso de cerâmicas exclusivas feitas pelo artesão Alex Santana e peças de pedra sabão feitas por artesões de Mariana e Rio Piracicaba, o espaço inova com o conceito Izakaya um informal e descolado Gastrobar, o mais novo empreendimento da Rede Gourmet chega trazendo o sucesso do Udon Lourdes um dos mais premiados restaurantes de culinária japonesa de belo horizonte.

Nas mãos do saudoso chef Marcelo San a nova unidade oferece um cardápio requintado digno de um japonês nada tradicional e uma carta de drinks e sakês exclusivamente produzida pelo mixologista Antônio José com know how de 20 anos de coquetelaria em São Paulo. Inaugurada em novembro do ano passado a casa de cozinha oriental além de qualidade e excelência no atendimento, dispõe de um clima prazeroso embalado pela trilha sonora do DJ Pedro Siman.